domingo, 24 de outubro de 2010

Procura-se um Humano Anjo Especial...

Procura-se um Humano Anjo que esteja disposto a amar.
Que tenha um coração imenso e predisposição pra sorrir...
Um Humano que seja doce e compreensivo e que saiba esperar,
porque algumas flores demoram mais pra desabrochar.
Que goste de brincadeiras e que veja a beleza de um salto.
Humano paciente e que não se zangue quando algo na brincadeira se quebrar.
Especial ao ponto de não valorizar os bens móveis, porque o sofá vira arranhador num piscar.
Precisa saber ouvir e encantar-se com um ronronar.
Não pode ser egoísta, ou se for precisa aprender sua cama dividir...
Humano Anjo que saiba que o AMOR pode vir solo, em duplas ou trios...
Mas principalmente procura-se um Humano Anjo Especial que tenha um lugar no coração para amar e respeitar um Ser que tem o seu próprio tempo e que deve ser cativado.
Se você for um candidato a ser esse Humano Anjo Especial, olhe a fotinha e leia o texto a seguir, tenho certeza que se os adotar será feliz por todo o sempre.


"Este casalzinho da foto está difícil de doar. A Menina recebeu vários e-mails, mas ele não recebeu nenhum.
Eu gostaria de doá-los juntos, porque o Menino é muito medroso, tenho medo de separá-los e ele ficar ainda mais arredio.
Ela já está bem sociável, se deixa pegar e acarinhar. Ele tem medo de humanos, mas adora brincar com outros gatos. Vai dormir na cama quando vê outros gatos lá, deixa fazer carinho porém muito rapidamente e logo se esconde.
Apesar do medo, é extremamente dócil e nunca tentou morder ou arranhar ninguém.
Eles precisam de uma casa onde possam ficar a vontade, se esconder quando quiserem e aos poucos vão se ambientando. É preciso que a Família entenda que não pode forçcar uma aproximação, devem deixá-los decidir quando for a hora de confiar. Por serem muito medrosos, vou doar apenas para apartamento telado. Tenho receio que consigam fugir mesmo de uma casa aparentemente segura."
Contatos: Patrícia - Cats of Necropolis.

10 comentários:

Andrea Sassaki disse...

Oi anjo-mãe!!!
Se eu pudesse.....
Saudades de vcs, todos!
Um beijo!

Claudia disse...

Tão lindas e verdadeiras suas palavras...
Coloquei outro dia no twitter que um amiga queria adotar um gatinho e como a petshop demorava em fazer contato, já que tinham dois lindos amrelinos a disposição, fui à loja saber o motivo.
A funcionária me mostrou uma "pilha" de formulários de candidatos.
Aqui fez do meu dia uma alegria.
Tenho certeza que mais um humano, talvez nem tão especial assim,se comuva e adote essa duplinha.

Obrigada pela visita no Nov@mente, estávamos com saudades.
E um abraço daqueles beeemmm apertado em todos do Anjos!

Prosopopéias Cintilantes disse...

OI, Ana
Paciência é a alma do negócio!
O meu Vincent foi adotado e devolvido dois dias depois porque nã se relacionava com a família que o adotou. Sorte a minha que pude ficar com ele!
Hoje ele está feliz aqui em casa. Tem dias que me pede carinho, em outros, se esconde, mas eu falo sempre para ele, No seu tempo, filho, sem pressa. E assim vamos vivendo.
Nos dias que sou brindada com pedidos de carinho e atenção, meu dia é mais feliz, mas o mais importante para mim e ver que ele adora morar aqui, e do jeitinho dele tenho certeza que me ama.
Não sou exemplo de nada, só queria dar o meu testemunho de como ter paciência é importante na hora de adotar um gatinho, principalmente os tímidos!
Espero que os gatinhos da foto possam ser adotados juntos e que eles sejam muito felizes!
Beijos
Stela

Patrícia disse...

Obrigada :)

Blog do Hobbes disse...

Olá espero que eles encontrem uma ´família que os ame tanto qto meus pais nos amam!Sua família tbm é super linda! Venha me visitar vou adorar sua visita! BJUS e boa sorte aos maninhos ai!

Diulye Araujo disse...

Nossaa amei seu blog,amo gatos tenho um siames eu morro de ciúmes dele,acho uma sacanagem esses desumanos que maltratam os bichanos,não só os bichanos mas como todo tipo de animal.vou torcer pra que encontrem uma família pra eles.

Gisa disse...

Oi anjo-amiga! Eu já havia visto essa duplinha lá no Gatinhos de Toda Parte, tão lindos, com esse arzinho assustado que comove demais. Espero que consigam também comover e cativar alguém que possa dar-lhes um lar com muito amor e tranquilidade, que lhes permita permanecer juntinhos e aprender a confiar. Beijos e um grande abraço

Daniela Tórgo disse...

Realmente algumas pessoas tem dificuldade em entender que gato não é gente e por isso seus tempos são diferentes! Eu tenho uma gata a Velma que esta comigo desde maio e praticamente não consigo botar a mão nela o que as vezes se faz necessário pois tem um olhinho com problema e as vezes prescisa de colírio....e quando isso acontece é bem complicado e eu sempre acabo cheia de arranhões e mordidas. O que as pessoas que não entendem é que quando eu encontrei a Velma na rua ele estava toda machucada, não sei se o que causou aquilo tudo foi carro cachorro ou gente mas, tinha uma infecçao horrorosa no olho o qual ela não enxerga mais outro tambem ja estava ficando bem feio...um ferimento horrivel no queixo, não respirava pelo nariz devido a infecção do olho que descia, alem desnutrida,
tomou 2 injeções por 5 dias no musculo da perna que ela nem tinha...e uma delas era penicilina!Hoje esta aqui linda e maravilhosa mas odeia contato seja com humanos ou outros gatos.Não sei se isso vai mudar um dia mas, acredito que não mas idepentende de qualquer coisa ela terá a mim para cuida-la o resto de sua vida!! beijos

Angelique disse...

Oi cherrie, tudo em paz contigo? Em casa também tudo em ordem, correndo atras do preju, sempre...rs...As meninas estão ótimas. origada pela visita ao blog e pelo recadinho. Beijos e coçadinhas no Mig e na Gaby

Gata Lili disse...

Vou divulgar no meu tietter para te ajudar tá? OH Meu Desu, que eles consigam uma adoção responsável...tô na torcida.