sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Nós esquecemos!!!


Dia 9 foi o Dia do Veterinário.

Deixamos passar em branco. Correria tem disso, esquecemos coisas importantes.
Então fica registrado a nossa imensa admiração a essas pessoas ESPECIAIS que tão sabiamente cuidam dos nossos Anjos.


Wendell, agradeço pela paciência com esta mãe de gatos neurótica e a sua imensa sabedoria, respeito e paixão ao cuidar dos meus pequenos Anjogatos.
Tio de Branco nós amadoramos você!
Ser Veterinário
Ser Veterinário não é só cuidar de animais.
É, sobretudo amá-los não ficando somente nos padrões éticos de uma Ciência Médica.
Ser Veterinário é acreditar na imortalidade da natureza e querer preservá-la sempre mais bela.
Ser Veterinário é ouvir miados, mugidos, balidos, relinchos e latidos, mas principalmente entendê-los e amenizá-los.
É gostar de terra molhada, de mato fechado, de luas e chuvas.
Ser Veterinário é não se importar se os animais pensam, mas sim, se sofrem.
É dedicar parte de seu ser à arte de salvar suas vidas.
Ser Veterinário é aproximar-se de instintos.
É perder medos.
É ganhar amigos de pêlos e penas, que jamais irão decepcioná-lo.
Ser Veterinário é ter ódio de gaiolas, jaulas e correntes.
É perder tempo apreciando rebanhos e vôos de gaivotas.
É permanecer descobrindo, através dos animais, a si mesmo.
Ser Veterinário é ser o único capaz de entender rabos abanando, arranhões carinhosos e mordidas de afeto.
É sentir cheiro de pêlo molhado, cheiro de almofada com essência de gato, cheiro de baias, de curral de esterco.
Ser Veterinário é ter coragem de penetrar em um mundo diferente e ser igual.
É ter a capacidade de compreender gratidões mudas, mas, sem dúvida alguma, as únicas sinceras.
É adivinhar olhares, é lembrar de seu tempo de criança, é querer levar para casa todos os cães vadios sem dono.
Ser Veterinário é conviver lado a lado com ensinamentos profundos sobre o amor e a vida.
“Todos podemos nos formar em Veterinária, mas nem todos nós seremos Veterinários”.
Você o que é?

Fonte:
Epifania

11 comentários:

Liôa disse...

Ola!!! tem selinho no meu blog para você! bjinhos!

Claudia disse...

Não me lembro quando resolvi que seria veterinária, talvez entre os 9 e 10 anos, quando saia pela vizinhança resgatando os animais que via na rua e levava pra casa.
No ano em que prestei vestibular meu pai adoeceu e não podia estudar numa faculdade paga durante o dia todo, tinha que trabalhar.
Mas nem por isso desisti de conviver com eles e poder fazer o melhor.
Sinceramente, não sei se desistir de um sonho foi uma má escolha, não sei, só sei que estou em paz com isso.
bjs

Nice disse...

Nossa...que foto bonita...hihihihihi...falando sério: eu queria ter o dom pra ser veterinária...mas não consigo encarar feridas e machucados...admiro muito os bons profissionais...Beijão

Nana disse...

Ana querida
Que Petinha linda!!
Vc acredita que perdi o contato com o veterinário dos meus gatuchos?
O tel dele mudou... rs
Ele vai me faze ir até lá... rs
Bjs

Luna e Rodolfo disse...

Oi, tem selinho para vcs no blog http://lunaerodolfo.blogspot.com
bjs

Angelique disse...

Oi Aninha, obrigada pela lembrança. Acabei de ligar para a vet das pequenas para dar os parabéns, mesmo atrasadinha... Beijos e ótimo fim de semana

Arte dos Gatos disse...

Tenho a mesma opinião da Nice, não aguentaria ver um bichinho todo machucado.
Queria avisar que tem selinho lá no meu blog pra vcs, fiz em especial pra todas as amigateiras!
Bjs
Simone

Gata Lili disse...

E além de ter sido o Dia do Veterinário, também foi o Dia COM MAIS gatos na Internet. Veja: http://migre.me/6SFJ

Miaaauuu...

Anya disse...

Oops the Vet :(
I don't like him .....
=^.^=

Multiolhares disse...

è verdade penso que não chega ser só veterinário, ou medico, ou..., quando se lida com vidas é preciso ler nos olhos a dor e saber dar amor
beijinhos

disse...

admiro mto os vets e adoraria poder ser uma. pena q sou uma tonta e não tenho capacidade para isso!